Cinema Brasileiro

Nossa! Eu estou cansada de ler comentários sobre Harry Potter, acho que já passou da hora de para de falar nele...

Maaaaaas, como era de se esperar, não vou parar de falar de filme... ultimamente as pessoas andam percebendo mais o quanto eu assisto muuuito filme:

Ocasião 1:

- Vamos alugar esse filme, Dani?
- Já assisti.
- E esse?
- Já assisti também. É mais ou menos.
- E esse aqui?
- Ahhh! Esse é lindo! Vamos alugar que é bom!
-

Ocasião 2:

- Vamos no cinema? Qual dos filmes você ainda não viu, Dani?
- Só aquele do coelho que não (e que ninguém quer ver)
-

Voltando a realidade, eu assisti com a minha mãe no final de semana o De pernas para o ar e depois fui no cinema com as minhas amigas ver Assalto ao Banco Central.



Os dois filmes são brasileiros mas de gêneros diferentes. Eu gostei razoavelmente dos dois, e quando digo 'razoavelmente', se não ligou na sua cérebro um pisca-alerta de que "Agora vem!", melhor treiná-lo mais...

Enfim, o De pernas para o ar é mais comédia e, pelo trailer, visivelmente o assunto é sexo, mas como o filme é "pra mulheres" não há nada muito apelativo, é cheio de partes engraçadas (Hello! É uma comédia!) e um pouco de romance, mas o fim é bem brasileiro: realista. Não que eu não goste, mas dá uma certa desesperança nas mudanças na vida e nas pessoas...

Já o Assalto ao Banco Central tinha tudo para ser um super filme, na minha opinião inicial: tinha uma ótima história a ser contada, era o "Onze homens e um segredo" que deu errado, tipicamente Brasil mas nãããooo... só confirmaram o meu preconceito!

Rapidamente se percebe que os filmes brasileiros ou tem sexo ou drogas ou violência. Realidade brasileira? É, mas também é a dos EUA, Europa, Ásia e de todo mundo e ninguém fica salientando isso! Uma exceção a essa regra (dos pouquíssimos filmes brasileiros que eu vi justamente porque não mudam muito o roteiro) eu diria que é Qualquer gato vira-latas que é um pouco de copiação de "Hitch", mas quem liga?! O problema é que pra mim, eles vomitaram o final e eu quase não pude distinguí-lo!

Mas, enfim, voltando ao Assalto ao Banco Central, neste tem umas cenas de sexo dispensáveis, que não alteram nada na trama, mas como é filme brasileiro parece que tem que ter, parecia pornografia. Entendem o que digo?

Enfim, os dois tem finais "brasileiros", ou seja, realistas. Dependendo do seu humor, escolha qual quer ver Indico os dois, mas não diga que não avisei sobre o terreno em que estará pisando...

Bom é isso aí, people!
Logo logo termina a enquete à direita sobre o sorteio e logo teremos uma surpresa (será?!)
Não deixem de dar uma olhada na lojinha!!
Até!!

11 comentários

Sarah Alcântara disse...

É bom assistir filme, né?!

garotas100teen.blogspot.com Participe de As Eleitas e do Sorteio no Blog.
Seguindo, segue de volta?!

Sabor Baunilha disse...

Serpenteando pela blogosfera, conheci seu blog e me encantei. Adorei seu post sobre cinema! Penso - parcialmente - a mesma coisa. Eu não tenho preconceito com nenhum tipo de filme, sou cinéfila e também faço o tipo de "Ah, esse eu já vi também", mas confesso que meu forte não é cinema nacional. Eu assisto, gostei realmente de alguns (Lisbela e o Prisioneiro), mas concordo que a temática dos roteiros nacionais caem em meio ao clichê de: Nordeste, violência (favela), o trio: (pornografia, mulher pelada e palavrões) e por fim imitações de filmes estrangeiros. Lamentavelmente, porque acho que o Brasil tem potêncial artístico pra fazer um filme estupendo.

E pior que eu li a notícia que estão programas algumas cinebiografias que serão lançadas em 2012 (restart, tiririca, marina silva e banda calypso). Desnecessárias ao meu ver! :O

Eita, acho que escrevi demais. hahaha

Não vi Assalto ao Banco Central, mas vi De pernas pro ar e ri um bocado.

Beijos, estou te seguindo. Passarei sempre por aqui. =]

Camilla Martins - http://sugar-dance.org disse...

Acho filme brasileiro muito pesado, não dá pra eu ver JLKFJREJTLKREJKTL

Eu sou do clube do trico de paris: reclamo JFKRLJELTJREK

o ator que faz o vol é 1 gato JFKRLJKTJTLEKR

eu acho o harry potter lindo

eu gostaria de ganhar money com meu blog JKLJRKLEJTKRLE mas ainda n estudei nada!

bjonas (:

fique com Deus ♥

Nathalia disse...

Concordo com a parte que você disse que filmes brasileiros só tem sexo, drogas e violência. Um outro exemplo é Bruna Surfistinha, não sei se você já o viu, eu sabia que falava sobre sexo porque estava bem na cara, ou melhor na capa, KK' mas acabei assistindo. É o filme inteiro pornografia pra no final ela continuar como prostituta. Ok, os filmes brasileiros são até bom as vezes já que em algumas horas a gente cansa de saber os finais dos filmes já que todos são 'felizes para sempre'. Mas será que eles não podiam fazer um filme sem esses tres item citados lá no começo? Ou então apenas deixado eles mais amenos.

Enfim, ainda não assisti Qualquer Gato Vira-Lata, mas por curiosidade estou até querendo ver. KK'

Adorei o post.

Um beijo, Nathalia.

http://naahthaliaa.blogspot.com/

Ana Lange disse...

Pois é, é super normal filme brasileiro tem q ser sexo, muito sexo. Por isso q Bruna Surfistinha foi um sucesso.
Ainda precisamos aprender mto q não é sexo, as vezes hiper apelativo, q faz as pessoas quererem assistir um filme.

naomemandeflores disse...

Também adoro cinema e tento ver pelo menos 2 filmes por semana. Mas com esse tempo corrido...


Camila Faria

Aym disse...

cinema brasileiro tá bombando... amo isso.
=D
beijos

lorrayne disse...

sinceramente eu não gosto de filme brasileiro, nunca gostei, acho que o unico que foi é aquele se eu fosse você [é isso?] foi o unico q eu gostei mesmo, pq o resto >.< UASIOHSIAUHOUIASH enfim. bj (:

Bih disse...

Olá Danni!
Eu sou bastante suspeita em relação a esse assunto, pois não consigo gostar de filmes brasileiros. O único que eu achei bastante legal foi "Se eu fosse você", rs. :D
Beijos!

Camilla Martins - http://sugar-dance.org disse...

Oi Danni :D

Tudo bem?

Tem post novo no Sugar Dance (:

Bjonas

Fique com Deus <3

R_the_alien disse...

Filme de comédia nacional sempre tem cara de episódio de mini-série da globo estendida... não da vontade de ir no cinema, acabo esperando passar na tv mesmo.

Hoje em dia melhorou bastante mas uma coisa que me incomodava muito em filme nacional era o áudio. Eu nunca consegui entender o que as pessoas falavam e sempre tinha que colocar o volume bem alto... agora não tem mais esse problema ainda bem.

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger